PROMETO FALHAR | BOOK REVIEW

Este foi, sem dúvida alguma, o livro que mais tempo demorei a ler. E quando digo demorei, não quero dizer que demorei um mês em vez de duas ...

Este foi, sem dúvida alguma, o livro que mais tempo demorei a ler. E quando digo demorei, não quero dizer que demorei um mês em vez de duas semanas. Quero dizer que o comecei a ler em Agosto e só agora o acabei! Não me perguntem o porquê da demora, uma vez que é também uma grande incógnita para mim. Não se trata, de maneira nenhuma, do seu conteúdo, uma vez que é um livro cativante, interessante e que não é nada maçador. Acho que esta será um dúvida que levarei comigo para a cova. E de que livro falo eu, perguntam vocês. Pois bem, hoje, aqui no Bookaholic, falamos do Prometo Falhar, o best-seller do autor português Pedro Chagas Freitas.


Penso que este seja o primeiro livro de autor português do qual faço review. A verdade é que a maioria dos livros que leio são, sem dúvida, de autores estrangeiros. Isso acontece porque, dos livros portugueses, os que encontro ou são demasiado infantis, com histórias clichê que não precisamos de chegar ao meio para adivinhar o fim, ou são livros demasiado adultos e aborrecidos, demasiado objetivos, pouco profundos. Este não. Este é um livro muito bem conseguido, em que o autor tem um estilo literário fantástico.

Pedro Chagas Freitas apresenta-se, numa das badanas do livro, como sendo alguém "que não gosta de eufemismos" e talvez isso seja algo fundamental para a maneira como escreve. Ao contrário daquilo que a maior parte das pessoas pensou quando comprou o Prometo Falhar, mais ou menos no inverno de 2014, quando o livro se transformou, digamos, num hit, este livro não é uma história de amor com princípio, meio e fim, com um enredo definido, com narradores participantes e não participantes, com capítulos e fases, desenlaces e conclusões. Este livro é o amor. Da sua maneira mais pura, dura e cruel.

Não vos posso falar da apaixonada história de amor de Pedro. E não posso porque Prometo Falhar nos mostra uma imensidão de histórias de amor diferentes. Mostra-nos o amor de Pedro para com os seus pais, para com os seus filhos. Mostra-nos as paixões de décimo ano, bem como o primeiro grande amor da sua vida. Além disso, mostra-nos que o amor não é um mar de rosas, como tantos outros filmes e contos e romances nos fazem pensar.

Pedro Chagas Freitas mostra-nos, tal como disse, a crueldade do amor. Mostra-nos o quanto é complicado, o quanto falhamos e o quanto erramos. Qualquer pessoa que já tenha amado intensamente vai ser capaz de se identificar com o livro. Qualquer pessoa que já tenha falhado vai ser capaz de se identificar com o livro. Qualquer pessoa que ame intensamente a família vai ser capaz de se identificar com o livro. Entendem o que estou a querer dizer? Qualquer pessoa vai ser capaz de se identificar com Prometo Falhar, devido à multiplicidade dos seus temas e, acima de tudo, devido à forma como foi escrito.

Este é um post em que não vos recomendo apenas o livro, mas em que vos recomendo também o escritor. É uma escrita intensa, direta e clara. Não há segundos sentidos, não há problemas de interpretação. Não há suavizações. As coisas são ditas tal e qual como elas são sentidas. É uma escrita transparente. Prometo Falhar é o livro que nos fala de tudo, quer da maneira positiva e feliz, quer da maneira cruel e aterrorizadora.

Ao contrário de muitas das coisas que já li, este é, sem dúvida, um livro fantástico e um livro que recomendo.



You Might Also Like

6 comentários

  1. ^-^ ohhh!!

    Pedro Chagas Freitas... é qualquer coisa.

    Identifiquei-me muito com o que escreveste. :)

    Só que ao contrário do que nós pensamos nem todos gostam do livro. :/

    Algumas pessoas ficaram curiosas com o livro cá em casa porque eu comentava muito e delirei quando o recebi, mas quando o leram disseram que não gostaram nada. Pelo menos umas quatro pessoas já me disseram que não gostaram. (vá... não somos todos iguais! :))

    Fiquei contente ao ler o teu texto por me tirares algumas palavras dos dedos. ;)

    No meu blog já falei dele também. :) ainda não fiz a minha review do livro, mas ainda vou fazer.

    Ah... já comprei o "Queres casar comigo todos os dias? Barbara." dele. Não resisti quando o vi na montra. Já o leste também? Eu estou a adorar lê-lo. :)

    Deixo aqui o meu Blog para dares uma vista de olhos! ;) espero que gostes.

    http://vou-dar-isto-a-zeca.webnode.pt/livros/

    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, muita gente não concorda com a nossa opinião e confesso que, antes de ler o livro, vi bastantes reviews que diziam que era um livro de amor como tantos outros. Fico contente por te teres identificado com as minhas palavras e por partilhares da minha opinião. O "Queres casar comigo todos os dias, Bárbara?" não me suscitou tanta curiosidade, embora tenha sido impossível não sorrir com o título. Tenho outros livros acima desse na minha lista de livros a ler, mas quiçá!

      Sem dúvida que darei uma vista de olhos no teu blogue e que te deixarei lá um comentário com a minha opinião.

      Muito obrigada pelo teu comentário e pela tua visita.

      Beijinhos.

      Eliminar
  2. Olá! Gostei imenso do teu blog e já te estou a seguir! Adorei o post <3

    Beijinhos,
    Inês de Castro from Fashion Gets Fierce

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Inês! Ainda bem que gostaste.

      Muito obrigada pela tua visita e pelo teu comentário.

      Beijinhos.

      Eliminar
  3. Opah, tão querida :')
    Obrigado mesmo! Fico mesmo feliz por gostarem tanto das receitinhas :D

    Já o li e sem dúvida que adoro! O Pedro escrever de uma forma belíssima e é quase impossível não nos deixarmos levar pelas histórias dele!

    NEW GET THE LOOK POST | La Cool & Chic
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida, é impossível não nos deixarmos levar pelas histórias do Pedro. Fico muito feliz por partilhares da minha opinião.

      Muito obrigada pela tua visita e pelo teu comentário.

      Beijinhos.

      Eliminar

O teu comentário é bastante importante para o crescimento do Bookaholic e para que eu saiba o que achas dos conteúdos e o que posso melhorar.

Por favor, deixa também o link do teu blogue quando fizeres um comentário, de maneira a que eu possa também visitá-lo. Não te esqueças também de preencher a opção 'Notificar-me', para que possas saber assim que eu responder.

Muito obrigada pela tua vista!