ACMA | MUNDOS QUE PRECISAM DE SER MUDADOS

Janeiro é mês de recomeços, de promessas, de viragens. É mês de mudanças. Com um ano inteiro pela frente, são muitas as coisas que podemos ...

Janeiro é mês de recomeços, de promessas, de viragens. É mês de mudanças. Com um ano inteiro pela frente, são muitas as coisas que podemos mudar. O primeiro tema do ACMA para este ano vai exatamente de encontro à mudança, não só àquelas que fazemos por nós, mas às que temos que fazer pelo mundo. Mas vocês conhecem-me e se a Ju diz que o tema são maneiras de mudar o mundo, então o meu cérebro logo dispara para o tópico mais distante, mas dentro do tema, possível. Foi assim que surgiu o post de hoje!



ACMA | mundos que precisam de ser mudados


1. China 
O país mais populoso do mundo é também aquele que emite mais dióxido de carbono, tornado-se, assim, o mais poluidor. Em 2017, foram vários os locais do mundo que foram massacrados com desastres naturais, consequência do aquecimento global e de todos os problemas que temos trazido para o nosso planeta, a nossa casa. Em 2018, isso tem que mudar! A China emite mais de 10 milhões de toneladas CO2 por ano, sendo que os valores subiram na primeira metade do ano passado, quando comparados aos de 2016. Em dezembro de 2017, a conferência económica anual do Partido Comunista Chinês reuniu durante três dias em Pequim, reunião da qual saíram as políticas que deverão entrar em prática este ano. Destacam-se "três batalhas duras" que o país tem que travar e para as quais preparou medidas, são elas a redução da pobreza, o controle de principais riscos e a prevenção da poluição. Espera-se então uma redução significativa das emissões de carbono e uma melhoria do ambiente em geral, de maneira a que o céu volte a ser azul.


2. Honduras
Com uma população de cerca de oito milhões, Honduras lidera o ranking mundial no que toca às taxas de homicídio, com pouco mais de 85%. Desta percentagem, mais de 80% dessas mortes são provocadas por armas de fogo, sendo que se estima que existam entre 850 mil e um milhão de armas nas mãos de civis; quase metade das vítimas estão entre os 15 e os 29 anos e 94% são do sexo masculino. Entre os motivos mais comuns estão os ajustes de contas, os assassinos contratados e, entre outros, a violência doméstica e familiar. Em 2018, isto tem que mudar! Ainda assim, este país da América Latina já viu piores dias no que toca a esta taxa, vivendo numa luta constante contra a etiqueta de "país mais violento do mundo". São várias as medidas que têm sido implementadas e que visam a alteração destes números; embora o problema esteja longe de ser resolvido, caminha-se na direção certa para trazer a cultura da vida de volta às Honduras.


3. Sudão do Sul
Localizado no nordeste do continente africano, o Sudão do Sul é o país com menor taxa de literacia do mundo, a uns muito baixos 27%. A educação, ou falta dela, neste país é um dos vários assuntos que preocupa a UNICEF; algumas das razões para o facto de cerca de metade das crianças e jovens em idade escolar não frequentarem uma escola são a distância, a falta de dinheiro para pagar propinas, uniformes e outros custos e até mesmo a insegurança que sentem durante no caminho. A crise que se vive no país é algo que também não abona a favor da educação, fazendo-se sentir nas baixas taxas de inscrição, na limitação da educação do sexo feminino e em infraestruturas pobres e sem condições, algumas delas sem casas de banho. Em 2018, isto tem que mudar! Organizações não-governamentais têm estado na linha da frente desta luta, contudo, é preciso que se se fortaleçam os serviços que estão a ser oferecidos, tal como é preciso dar a estas crianças espaços seguros, onde possam aprender com profissionais treinados e comprometidos com este objetivo.

Sobre o projeto A Cultura Mora Aqui

Criado pela Ju, do blog Cor Sem Fim, o projeto A Cultura Mora Aqui - ou ACMA, para abreviar - tenciona, tal como tenho vindo a referir nos meses anteriores, trazer a cultura de volta à internet com temas mensais ou bimestrais. Para participarem, só têm de enviar um e-mail com os vossos dados para acma.cultura@gmail.com - aproveito para repetir que não vamos falar sobre outfits, maquilhagem, moda, etc, e que qualquer um de vós pode participar, não sendo obrigatório fazê-lo todos os meses. Para não perderem nenhum post, já podem seguir a página do ACMA no facebook.

- ACMA: A REVISTA - 

- NOS MESES ANTERIORES... - 
out - nov - dez - jan - fev [1 e 2]

You Might Also Like

14 comentários

  1. Eu não conhecia o caso de Honduras, mas deve ser realmente assustador viver num local assim e também desconcertante. Espero assim que as leis implantadas venham a diminuir essa enorme taxa.

    Beijinhos,
    Patrícia :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É, realmente, toda uma outra realidade, que muitas vezes nem sequer chega ao nosso mundo. Esperemos que as leis surtam efeito, sim!

      Obrigada pela visita e pelo comentário, Patrícia. Um beijinho!

      Eliminar
  2. Olá bia, bem por este post é que não esperava mesmo porque de todas as situações que aqui referes desconhecia a de Honduras..mas infelizmente há muita coisa que tem de mudar e será um processo lento..
    Parabéns adorei o post
    https://meanddiamond.blogspot.pt/2018/01/o-misterio-da-estrada-de-sintra.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, fico muito contente que tenhas gostado do post! Há muitas coisas que, infelizmente, não chegam a este lado do mundo...

      Obrigada pela visita e pelo comentário. Um beijinho!

      Eliminar
  3. Infelizmente há muita coisa que precisava de ser mudado :(

    Yellow Rain

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade... Obrigada pela tua visita e pelo comentário.

      Eliminar
  4. Acreditamos que podemos não mudar o mundo, mas se formos sendo a mudança que queremos ver no mundo, algo muda e isso já fará a diferença. Gandhi é o maior! Um grande amor!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mudança tem que começar por nós mesmos, tens toda a razão, e, por mais pequena que seja, vai sempre fazer diferença! Obrigada pela visita e pelo comentário.

      Um beijinho!

      Eliminar
  5. Olá!

    A seguir o teu blogue! Não conhecia ainda, gostei muito, parabéns!

    Beijinhos
    Blogue | Facebook | Instagram | Youtube | Zomato | Pinterest

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá e sê muito bem vinda ao Bookaholic, fico muito contente por teres gostado! Muito obrigada por te juntares a nós e por teres deixado um comentário.

      Beijinhos!

      Eliminar
  6. Mudanças urgentes mas demoradas, infelizmente! Não conhecia o caso das Honduras, é chocante!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito, muito urgentes! Obrigada pela visita e pelo comentário!

      Eliminar
  7. Respostas
    1. Muito obrigada e obrigada também pela visita e pelo comentário! Beijinhos!

      Eliminar

O teu comentário é bastante importante para o crescimento do Bookaholic e para que eu saiba o que achas dos conteúdos e o que posso melhorar.

Por favor, deixa também o link do teu blogue quando fizeres um comentário, de maneira a que eu possa também visitá-lo. Não te esqueças também de preencher a opção 'Notificar-me', para que possas saber assim que eu responder.

Muito obrigada pela tua vista!